valter matias Matias

Palmela, Palmela

Este profissional está ativamente procurando emprego.

engineering Freelancer

Sobre mim:

RESUMO DO CANDIDATO


 

Profissional com 18 anos de experiência na indústria automóvel, na Continental, onde teve um percurso ascendente, desde operador a Supervisor de Ferramentas, passando por cargos intermédios, como Responsável de Armazém de Spares. 

Educação:

HABILITAÇÕES E FORMAÇÃO COMPLEMENTAR


 

  • Curso Gestão da Distribuição Logistica (a decorrer).
  • Curso Nivel 5 Electromedicina.
  • 12º Ano de Escolaridade.
  • Autocad Iniciação .
  • Ingles Geral.
  • Sistemas de Controlo e de Gestão de Stocks.
  • Curso de produtividade Taladrado Productivo, Roscado, Escariado.
  • Folha de Calculo.
  • Sistemas Logisticos – Processos de Melhoria.
  • Microsoft Excel 2003.
  • Criação de Macros e Visual Basic.
  • Curso de Joomla.
  • 5S Definition.
  • A3 – Problem Solving.
  • Ceos.
  • LDP1 Programa de Liderança Modulo 1
  • LDP1 Programa de Liderança Modulo 2
  • Gestão de Energia.
  • Sandvik - Systems Broaching Tools.
  • IATF Overview
  • Jidoka Online Traning.
  • SE-Suite documentação e consulta.
  • Healthy Leadership Training.
  • Armazenamento de substancias Perigosas.

Experiência:

Supervisor de Ferramentas e armazém de spares.

  • Gestão de uma equipa de 12 Pessoas.
  • Gestão de um budget de mais de 1 Milhão de Euros.
  • Participar ativamente em reuniões diárias/periódicas/regulares, onde os resultados operacionais da área da maquinação são analisados e planos de ação definidos.
  • Análises de consumos de ferramentas (Aproxi. 1000 ferramentas de corte na área produtiva) e optimização de custos de operação de forma a ter custos de operações com o menor custo de peça.
  • Controlo de cerca de 50.000 trocas de ferramentas anuais entre produção e ferramentaria.
  • Negociação com fornecedores de Ferramentas de forma a obter custos de ferramentas mais baixos.
  • Introdução de metodologias como por exemplo 5S na área da Ferramentaria, metodologia de A3 em resolução de problemas em quebras de Ferramentas.
  • Procura de soluções novas  de ferramentas de forma a optimizar o processo e melhorar o processo.
  • Analisar a vida útil das ferramentas e calcular os custos da respetiva operação.
  •  Identificar e implementar ações com o objetivo de reduzir o custo de maquinação.
  • Desenvolvimento de ferramentas novas com fornecedores.
  • Reportar directamente KPIS ao Director de Produção e Director Geral.
  • Preparação e manutenção de ferramentas de usinagem em máquinas de CNC devido a desgaste e quebras de ferramentas na produção.
  • Setup de programas de medição para medição das ferramentas.
  • Entrada e saída de ferramentas dos armazéns automáticos para a produção.
  • Controlo de Stocks de componentes e duráveis para a produção.
  • Controlo de realização de inventários dos componentes das ferramentas.
  • Operação de programa gerenciador de ferramentas (TDM), entre outras.
  • Leitura e interpretação de desenho técnico das ferramentas (BML)
  • Colaborar no desenvolvimento de workshops internos a realizar com os colaboradores das áreas operacionais.
  • Colaborar no desenvolvimento de programas de formação interna; 
  • Introdução e acompanhamento de novos projetos e produtos de maquinação com novas ferramentas de corte.
  • Participar/conduzir grupos de trabalho, cujo objetivo é a análise e redução contínua de scrap nas áreas produtivas e custos de ferramentas. 
  • Participar ativamente na implementação da metodologia Jidoka.
  • Identificar projetos CIP de forma a contribuir para a redução contínua de custos na área da maquinação 
  • Cumprir com os requisitos internos e externos, em termos de ambiente, segurança e saúde ocupacional, o que implica, a utilização de equipamentos de proteção individual adequado, separação correta dos resíduos, realização.


 

Destaco: Destaco a responsabilidade de gestão de um budget superior a 1 milhão de euros para compra de ferramentas de corte, o desenvolvimento e introdução de indicadores de forma a conseguirmos sempre atingir o budget Anual e estarmos sempre no Top das melhoras fábricas  de custo  peça em 18 fabricas HBS, contudo devo mencionar que foi possivel vários anos atingir savings de forma consistente de forma a reduzir os custos de ferramentas.

Entre estas situações e não menos importante conseguimos desenvolver metodologias e processos de controlo de quebras de ferramentas e nos ultimos 3 anos conseguimos uma redução de cerca de 3% de quebras de ferramentas, conseguindo assim uma redução significativa de scrap na nossa produção. 


 

                                                                                                                    2006 – 2008                      


 

Responsável de Armazém Spares.                                                    


 

  • Gestão de uma equipa de 2 Pessoas.
  • Gerir stocks minimos de todos os spares de manutenção (20 mil componentes) e consumiveis de ferramentas
  • Gestão das encomendas de Material
  • Responsável pela organização e layout do armazém.
  • Cumprir com os requisitos internos e externos, em termos de ambiente, segurança e saúde ocupacional, o que implica, a utilização de equipamentos de protecção individual adequado, separação correta dos resíduos, realização de todas as atividades, sem colocar em perigo a minha integridade física e a dos outros.
  • Executar e controlar os documentos das actividades dos armazéns.
  • Controlar os custos associados a cada equipamento de forma a fazer reports diários para o Supervisor da Manutenção.
  • Garantir as operações de entrada e saída de mercadorias.







 

                                                                                                                  2003 – 2006


 

Operador de Produção                                                                       


 

  • Colocação de peças no equipamento.
  • Troca de ferramentas de corte no equipamento.
  • Critérios de qualidade.

0 recomendações externas